Se há coisa que tenho orgulho neste ano e que senti controlo e disciplina, foi no tempo que consegui arranjar e manter para ler. Sim, houve dias que mal peguei no livro que tinha, mas não foi impedimento para, dias depois, o devorar. O certo é que este ano, para além da quantidade de livros que li até agora, consegui quebrar algumas barreiras e ler géneros pelo qual não esperava.

Os romances

Sendo um género que nunca falha – até por conta dos livros que escrevo -, este ano consegui ser extremamente inclusivo nas leituras. E, quer estas me apresentassem uma história erótica, com personagens homossexuais, heterossexuais, com personagens abandonadas ou questões mentais, as leituras foram fabulosas. Permitiram-me conhecer o que se começa a aprofundar lá fora e que, aos poucos, vai chegando cá. Exemplos encontramos na série Heartstopper ou do livro Caro Evan Hansen, traduzido cá e pronto a receber a sua estreia no cinema.

More Happy Than Not | Off Base | Dear Daddy Please Love Me | Dead Daddy Please Spank Me (não presente na imagem) | My Heart and Other Black Holes | Heartstopper Volume 4 | Only Mostly Devastated | The Boy Who Steals Houses | Caro Evan Hansen

Manter o coração acelerado

O género do policial/drama/thriller tem crescido em mim, sendo que este ano foi tempo de ler alguns clássicos, juntamente com alguns livros recentemente publicados. Tenho de destacar a banda desenhada de 1984, um livro extremamente atual e que, na minha ótica, retrata os perigos de uma sociedade digital. Refiro ainda a sequela de Um de Nós Mente, cuja série baseada no primeiro livro já estreou, bem como um dos clássicos da Agatha Christie e cuja adaptação francesa deu há uns meses na RTP 2.

Destes livros destaco o da coleção do Arséne Lupin, cujas capas adoro, da Agahta e os da Karen M. Mcmanus, visto estarem gratuitamente disponíveis para quem subscreve o serviço Kobo Plus.

Um de Nós é o Próximo | No início eram dez | 1984 | Laranja de Sangue | Arséne Lupin – Calheiro, Ladrão

Mundos Distantes

A fantasia não poderia estar esquecida e, mesmo que Os Humanos me tenha desiludido, fiquei contente por finalmente ler Eragon e o primeiro livro da série As Crónicas de Narnia. Layla foi também uma aposta interessante da Colleen Hoover, mas está longe de ser dos meus favoritos da autora.

Apesar de Eragon não estar disponível em e-book, os restantes livros da saga estão gratuitamente disponíveis no serviço Kobo Plus.

Layla | A Assistente Virtual | Eragon | Os Humanos | O Sobrinho do Mágico

As categorias com que mais me entusiasmei

Ao longo dos últimos anos tenho-me voltado a apaixonar por livros mais técnicos e, este ano, não podia estar mais contente pelo que descobri na não ficção. É certo que o livro da Ellen foi uma desilusão, mas todos os outros são deveras obras de arte. OK, o do Olá Futuro admito que não seja para todos, mas o do Bill Gates e da Emma Marriott revelam-se, para mim, como livros essenciais e com impacto diário nas nossas vidas.

Na componente de escrita li ainda o do Stephen King, que se revelou numa desilusão, e o de como vender as nossas primeiras mil cópias. São ótimas leituras que, acima de tudo, dão-nos perguntas para momentos de reflexão. Já o A História do Mundo para Pessoas com Pressa deu-me a conhecer diversos livros que quero ler da coleção, como: A História de Portugal, da Europa, da Geografia e do Século XX para Pessoas com Pressa.

Fotografia Digital: Curso Completo | Olá Futuro | 1000 Copies | Ellen Degeneres | Como Evitar um Desastre Climático | Escrever | A História do Mundo para Pessoas com Pressa

Os nossos!

Deixei para último a categoria que mais me orgulho: a composta por livros nacionais. Está, claro, longe de representar os diversos livros que ainda tenho para ler e escritos por autores nacionais, mas não podia estar mais contente com a diversidade do que li. O meu destaque vai para o livro 3020, uma distopia de ficção científica e que raramente vemos.

Tenho ainda de chamar à atenção para os livros da Cultura Editora e alguns da Cordel de Prata que estão gratuitamente disponíveis para os subscritores Kobo Plus.

O Lado Privado de uma Pandemia | 3020 – A Conspiração de Atlântica | 1 Minuto 36 segundos | A Morte do Papa | A Célula Adormecida (não presente na imagem) | The Summoners Cry | O Canto da Via Látea | Amor à Primeira Assinatura | Black Heart II | O Caça Cidades | Reatalhos de Alma


Já conhecem a minha newsletter? Já com um exemplar enviado, prometo conteúdo mais pessoal e, de quando a vez, ofertas e conteúdos exclusivos! Subscreve. Prometo que não mordo, nem faço SPAM!

A processar a tua adesão. É demasiado importante!
Que bom! Estás na lista 🙂

Comenta aqui

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.