Sim, também eu tenho manuscritos cancelados ou em pausa

Tem sido comum, com um publicar quase que anual de histórias online ou em livro, os meus leitores acreditarem que tudo o que escrevo decido publicar. Pois bem, isso não poderia ser mais errado e, hoje, venho quebrar esse mito ao refletir outras coisas pelo meio. Curiosos? Apertem os cintos. Perdida Muito antes de publicar … Continue a ler Sim, também eu tenho manuscritos cancelados ou em pausa

Os nossos livros valem a pena!

Nós, autores, costumamos lamentar o quão horripilante é publicar em Portugal. Na verdade, é uma crítica que é feita tanta vez, que são diversos os artigos que chegaram por inspiração ao blogue só de ouvir outros colegas autores. O meu próprio processo de publicação já foi complicado. Uma desilusão autêntica. Mas, honestamente, hoje aceitei-o. E … Continue a ler Os nossos livros valem a pena!

“O Caderno do Diogo” – O E-BOOK!

Eu falei, prometi. Desafiei-me, e nesse caminho, desesperei bastante. Muito, mas muito. Como vos falei a semana passada, tenho um conjunto de projetos e trabalhos, uns deles bastante prioritários.... Inicialmente tinha pensado em publicar este e-book em lojas online, mas pensei: Diogo, tu não consegues ter tempo para testar como queres, e por vezes estar … Continue a ler “O Caderno do Diogo” – O E-BOOK!

Como estão (e onde estão) os projetos que vos prometi?

Bem..., o título pode parecer-vos estranho, mas confesso que me estou a rir bastante com ele. E é algo que decidi que vos queria falar porque precisava, e bastante. Quando comecei o ano, anunciei-vos dois projetos: o Trajetórias e O Caderno do Diogo em versão e-book. Já vos tenho falado do Trajetórias e de como … Continue a ler Como estão (e onde estão) os projetos que vos prometi?

O Caderno do Diogo: Como rever um manuscrito?

Esta é daquelas perguntas que me faço constantemente, especialmente quando estou na reta final de um manuscrito. Muito porque significa que a parte divertida terminou para dar lugar a uma mais minuciosa e aborrecida. Porém, nesta publicação, quero dar-vos pontos chaves a ter em atenção antes de começarem a fazê-lo. Vamos tentar tornar isto mais … Continue a ler O Caderno do Diogo: Como rever um manuscrito?

O Caderno do Diogo: Como lidar com as críticas – Parte I

Na publicação passada falei dos leitores-beta. Da forma como eles nos podem ajudar no trabalho que estamos a desenvolver na nossa história. Porém, algo de muito importante vem depois disso. Algo que acontece só quando começamos a receber o feedback. Com isto, e como diz o título do post, falo-vos das críticas. Lidar com as … Continue a ler O Caderno do Diogo: Como lidar com as críticas – Parte I

O Caderno do Diogo: Os leitores-beta

Estamos a escrever. Embrenhados no nosso mundo. Temos uma rotina definida e vamos estando entretidos na nossa escrita. Na nossa criação. No nosso trabalho. Mas será que deveremos começar já a procurar opiniões? Como o poderemos fazer? A resposta pode estar aqui... A resposta passa por procurarmos pessoas, claramente, em que consigamos confiar. Que tenham … Continue a ler O Caderno do Diogo: Os leitores-beta

O Caderno do Diogo: Escrever com a tristeza

Escrever a nossa história pode ser solitário. Requer muito tempo, talvez até anos. O mesmo para a pesquisa que fazemos. Neste trabalho surgem muitos sentimentos. Quer sejam de alegria, quer de frustração, a tristeza acaba por aparecer. Por tocar, de alguma forma, cada uma destas dimensões. Mas será que usamos corretamente a tristeza? Que conseguimos … Continue a ler O Caderno do Diogo: Escrever com a tristeza

O Caderno do Diogo: Quando não temos ideias

"Escreva a sua história"... é assim que o WordPress me dá as boas vindas em cada publicação. Porém nem sempre sabemos como o fazer. Não surge. Não "sai". Muitos chamam de "bloqueio de autor/escritor" ou até de "bloqueio criativo". Mas acontece que em muitas das vezes esse "bloqueio", esse "não ter ideias", é passageiro. Ou … Continue a ler O Caderno do Diogo: Quando não temos ideias

O Caderno do Diogo: Os Direitos de um Autor

Muitas das vezes não sabemos os nossos direitos e deveres. É uma realidade. Ler a legislação pode ser quer enfadonho, ou até difícil de compreender. A linguagem nem sempre é acessível e acabamos por desistir, em especial nos Artigos que nos são fundamentais. Todavia a vida em sociedade não seria "possível" sem ela, e no … Continue a ler O Caderno do Diogo: Os Direitos de um Autor

O Caderno do Diogo: Como Chegar à Criação da História?

Antes de se começar a escrever, é importante perceber aquilo que queremos contar. Qual é o propósito da ideia que nos fervilha na cabeça? O que é que envolve? Quais são as suas personagens? São muitas as perguntas que temos na cabeça e que devemos responder. Mas antes disso, é importante também falarmos da prática … Continue a ler O Caderno do Diogo: Como Chegar à Criação da História?